Inglesa descobre câncer, realiza sonho de casar e morre 3 dias depois

Publicidade Anuncie

O britânico Will Arnold estava planejando pedir a namorada, Katie Sutterby, em casamento até o fim de 2017. A ideia, porém, teve que ser apressada por um motivo terrível: Katie foi diagnosticada com câncer terminal e os médicos lhe deram poucos meses de vida.

Ela, uma professora de escola primária de 29 anos, e ele, um assistente de design de produtos de 38, viviam felizes e relativamente saudáveis, inclusive praticando esportes como musculação e corrida, mas dificuldades de digestão fizeram com que Katie procurasse ajuda médica.

Ao fazer exames para entender o motivo, o médico percebeu que um câncer no intestino da mulher já havia se espalhado tanto que tinha tomado boa parte do fígado. A cirurgia foi descartada porque, se os tumores fossem retirados, o órgão não conseguiria mais realizar as funções hepáticas.

Ao descobrir que a doença era terminal, Will decidiu antecipar o casamento. Em apenas duas semanas, os noivos e suas famílias organizaram a cerimônia, que contou também com amigos do casal. “Ela estava linda. Eu não achava que ela teria energia para continuar por tanto tempo, mas dançamos a noite toda e ela conversou com todo mundo”, relatou o noivo.

O sonho de Katie era passar a lua de mel em Paris, mas sua condição de saúde não permitiu. Então, o casal passou dois dias em um spa na Inglaterra. Ao voltar para casa, em Essex, eles foram direto par ao hospital, pois Katie estava sentindo dores fortes.

Ela morreu no dia seguinte, cinco semanas após receber o diagnóstico do câncer e três dias depois de casar. Segundo Will, vários amigos, parentes e pais de alunos de Katie foram ao enterro. Eles ainda começaram a arrecadar fundos para doar a uma instituição que trata pacientes de câncer de intestino, e até o momento já levantaram mais de 9 mil libras.

Via Hypeness

0 I like it
0 I don't like it