Após 14 anos parando o trânsito como forma de resistência, casa é demolida em Xangai

Publicidade Anuncie

Quando recebeu uma correspondência do governo, informando que precisariam deixar a casa onde viviam para ampliação da rodovia, em Xangai, na China – aceitando, em troca, uma indenização – uma família fez o impensável: enquanto todos os moradores aceitaram a oferta, a família Xu simplesmente disse não.

Para eles a indenização não era o suficiente e decidiram resistir.

Após a negativa, a pista de rolamento foi ampliada, mas a casa permaneceu no meio da rua, como mostram as imagens que ilustram o artigo.

Foram 14 anos assim, com os carros precisando desviar da casa dos Xu para utilizaram as quatro – ou quase quatro – novas faixas da rodovia.

Depois de inúmeras tentativas, telefonemas e reuniões, finalmente o acordo foi selado, e o dono da casa, Sr. Xu, aos 87 anos, enfim aceitou quatro novos apartamentos em troca de sua antiga casa – que veio abaixo em apenas 90 minutos, em uma demolição na segunda passada. Tal situação é tão comum na China que esse tipo de casa, que o dono recusa que seja derrubada, é conhecida como “casas-prego” – que permanecem presas ao chão, aconteça o que acontecer.

Mas o prego da família Xu acabou de ser retirado, perdendo mais um sinal de resistência ao desenvolvimento de padrão chinês.

Via Hypeness

0 I like it
0 I don't like it