Netflix lança filme sobre a polêmica morte da ativista trans Marsha P. Johnson, a ‘Rosa Parks’ do movimento LGBT

Publicidade Anuncie

Marsha P. Johnson foi um dos ícones do movimento gay nos anos 60 em Nova York, nos Estados Unidos. Drag queen, negra e ativista trans, ela chegou a ser considerada a Rosa Parks da comunidade LGBT. Marsha também teve um papel crucial durante a Revolução de Stonewall, ocorrida em 28 junho de 1969. Tempos depois, o evento que daria origem ao Dia do Orgulho LGBT.

Após anos de luta, a ativista foi encontrada morta no Rio Hudson em 1992. Na época, a polícia assumiu que a morte havia se tratado de um suicídio e nunca investigou o caso a fundo. No entanto, pessoas próximas a ela nunca acreditaram nessa hipótese.

Um novo documentário que será lançado em breve pelo Netflix promete trazer à tona o legado de Marsha. “A Morte e Vida de Marsha P. Johnson” deverá estar disponível no serviço a partir do dia 6 de outubro. Com direção de David France, o documentário pretende apresentar diversas versões sobre o caso.

A conta internacional da empresa já divulgou o primeiro traileir do filme (em inglês). Confere só!

The Adobe Flash Player is required for video playback.
Get the latest Flash Player or Watch this video on YouTube.


Via Hypeness

0 I like it
0 I don't like it