A inspiradora transformação na vida de Jim Carrey, das telas de cinema para as de pintura

Publicidade Anuncie

Pode ser assustador deixar uma carreira consolidada para perseguir uma paixão. Apoio da família e dos amigos ajuda, dinheiro também, mas o primeiro passo é sempre o mais difícil. É por isso que a transformação de Jim Carrey está encantando o mundo.

O antigo astro de comédias trocou as telas do cinema pelas de pintura – e está se saindo perfeitamente bem neste novo papel. Jim Carrey começou a pintar há cerca de seis anos, para “curar um coração partido“, segundo conta em seu curta documentário I Needed Color (“Eu precisava de cor”, em inglês).

Publicado há cerca de três semanas no Vimeo, o vídeo é narrado em primeira pessoa e mostra as obras do artista, bem como sua visão sobre a arte. A produção se tornou viral recentemente, contando com mais de 4 milhões de visualizações.

Para o artista, a pintura serve também como uma ferramenta de autoconhecimento. Ele diz que muitas vezes pinta coisas e não entende o seu significado no momento. “E então, um ano depois, eu percebo que uma pintura estava dizendo o que eu precisava saber sobre mim um ano antes“, lembra. Dá o play para assistir (em inglês):

Você pode dizer o que eu amo pela cor das pinturas, você pode adivinhar sobre a minha vida íntima pela escuridão em algumas delas, você pode dizer o que eu quero pelo brilho em algumas delas“, comenta ele em um trecho do vídeo. O curta foi dirigido e produzido por David Bushell. Para mais detalhes sobre as pinturas de Jim Carrey, acesse o site da Signature Gallery.

Via Hypeness

0 I like it
0 I don't like it