Estrela do Instagram mostra fotos do seu corpo antes e depois do Photoshop

Que mulher nunca se olhou no espelho se achando gorda demais, muito branca (ou muito negra), com celulites ou estrias… Não tem problema encontrar um ou outro defeito em nossa própria aparência. O problema é quando, além de ser condicionado pelo que vemos por aí, esses “defeitos” só surgem porque nos comparamos com imagens de corpos irreais, criados em softwares de edição de imagens.

Sobre essa questão, a psicóloga, ativista da aceitação corporal e Instagramer Stacey Lee criou uma série de imagens mostrando suas fotos antes e depois dos retoques no Photoshop. As imagens foram publicadas em seu Instagram @psychandsquats, que já soma mais de 22 mil seguidores.

As revistas que eu lia com 12 anos todas mostravam fotos como a da direita. Photoshopadas. Alteradas, Glorificadas. Irreais. Impossíveis. FALSAS! Pare de tentar parecer com a garota na revista. Nem ela mesma parece com a garota na revista“, escreveu ela em sua primeira publicação, no dia 24 de abril. Na legenda, Stacey, que é natural de Melbourne, na Austrália, também conta que alterou a foto em apenas dois minutos. Porém, para que essas mudanças ocorressem na vida real talvez fosse preciso até mesmo que ela retirasse uma costela, simplesmente porque sua estrutura óssea não é tão fina quanto a foto editada mostra.

A segunda imagem do gênero foi publicada no dia 8 de maio. “Quantas vezes você se comparou com as modelos nas revistas ou mais provavelmente com as modelos no Instagram e outras mídias sociais e pensou ‘não, eu não pareço assim’?“, dizia a legenda. Stacey lembra que é importante reconhecer quando estamos diante de imagens alteradas digitalmente para que não acreditemos que aquele ideal de corpo é algo possível de ser alcançado.

Um dos temas recorrentes que eu trato em minha profissão é a imagem corporal e seus efeitos na autoestima. Autoestima é definida como a confiança no nosso próprio valor. Entretanto, quando esse valor está associado a uma imagem, um número na balança, o tamanho das roupas, a suavidade da pele, a largura da cintura, o tamanho da bunda, a definição dos abdômens ou o espaço entre suas coxas, seu valor nunca será medido corretamente. Uma das razões por trás disso é que o nosso termômetro está baseado em mentiras, manipulações e ideais imaginados.“, conclui ela na última imagem, publicada há uma semana.

Via Hypeness

0 I like it
0 I don't like it