Artista troca o pincel por vidro e cria obras impressionantes usando a luz do sol

O artista plástico americano Michael Papadakis sempre trabalhou à moda antiga, com tinta, pincel e telas, até que em uma viagem da Ásia à Europa ele descobriu outros materiais, que transformariam sua arte para sempre. Agora, no lugar da tela, ele usa a madeira; no lugar do pincel, uma lente de aumento; e sua tinta se tornou nada menos que a luz do sol.

MPSol1

Foi na China que Michael teve a epifania de que poderia trabalhar “queimando” superfícies de madeira ao reparar na incidência da luz do sol através uma lente. “Eu no mesmo momento vivi a realização de que poderia desenhar com aquilo”, ele diz. Michael então abriu mão de seu equipamento ‘tradicional’”, e começou a experimentar desenhar em parceria com o sol.

MPSol2

O resultado é como de um pirógrafo, utilizando diferentes lentes e técnicas, para realizar desenhos elaborados que levam até 30 horas para serem feitos. Para tal, o uso de luvas e óculos, assim como cuidados especiais para não se queimar, é fundamental.

MPSol9

Quando está pintando, Michael precisa lembrar às pessoas que param para observa-lo trabalhar que olhar diretamente seu trabalho pode ser perigoso para a vista. Mas viver em uma cidade como Golden, no Colorado, onde o artista mora, em que o sol bate abundantemente por cerca de 300 dias ao ano, é evidentemente uma vantagem: é como uma tinta que nunca acaba.

MPSol8

MPSol7

MPSol6

MPSol5

MPSol4

MPSol3

The Adobe Flash Player is required for video playback.
Get the latest Flash Player or Watch this video on YouTube.

© fotos: divulgação

Via Hypeness

0 I like it
0 I don't like it