6 ruínas misteriosas construídas por antigas civilizações que você precisa conhecer

Quando pensamos em antigas civilizações e suas ruínas misteriosas, logo vem a nossa cabeça o legado deixado pelos incas no Peru, ou então as mais de cem pirâmides construídas no Egito, certo?

Pois apesar destes serem alguns dos casos mais conhecidos, existem muitos outros lugares espalhados pelo mundo que ainda intrigam o ser humano, seja pela inteligência ou pelo mistério que o envolvam.

São inúmeras estruturas existentes que costumam desafiar arqueólogos, paleontólogos e historiadores de todo o mundo por seu contexto bastante incomum, que geram dúvidas das mais diversas.

Como explicar Stonehenge, por exemplo, onde dezenas de blocos de pedras gigantes foram empilhados milhões de anos atrás? E como teria sido o transporte delas até o local? Ou até mesmo no caso das pirâmides no Egito, onde aproximadamente 2,3 milhões de blocos que pesavam entre 2,5 e 80 toneladas foram erguidos a uma altura de até 147 metros para a construção da pirâmide de Quéops, em 2250 a.C?

Então, se você é fã de um bom mistério, vai gostar da seleção que fizemos abaixo, com uma lista de seis ruínas, templos e objetos misteriosos espalhadas pelo mundo.

Stonehenge

Stonehenge1

1. Stonehenge (Salisbury, Inglaterra)

Estima-se que essa estrutura composta por círculos concêntricos de pedras que chegam a ter cinco metros de altura e a pesar quase cinquenta toneladas levou mais de trinta milhões de horas para ficar pronta, tendo sido sua construção dividida em três fases (3100 a.C, 2150 a.C. e 2075 a.C.).

Os mistérios que envolvem tanto sua construção como função são inúmeros, mas acredita-se que o local era usado para estudos astronômicos, mágicos e/ou religiosos. E em junho, quando ocorre o solstício de verão no hemisfério norte, o sol nasce exatamente sobre a pedra principal do monumento.

moais

moais1

2. Moais (Ilha de Páscoa, Chile)

Os Moais são 887 estátuas gigantes, feitas de imensos blocos de pedra que representam cabeças e troncos. Possuem em média 4 metros de altura, e alguns chegam a pesar mais de 80 toneladas e, apesar das muitas teorias que tentam explicar sua existência, ninguém sabe exatamente como ou porque os Rapa Nui, antigos habitantes da ilha, dedicaram tanto tempo e esforço na construção dessas estruturas.

Muitas destas estátuas estavam enterradas e foram escavadas, descobrindo que, além de cabeça, os moais tinham um tronco também, que vivia “escondido” abaixo do solo.

pedrasguia0

pedrasguia

3. Pedras Guia (Geórgia, Estados Unidos)

As Pedras Guias, que também são conhecidas como o “Stonehenge norte-americano”, foram construídas em 1979, o que as torna bem jovens perto dos outros monumentos da nossa lista. Aqui, o mistério não fica por conta da sua construção, já que nos anos 70 já era possível levantar uma estrutura como esta, mas sim por quem a construiu e porquê. Elas foram encomendadas por um desconhecido sob o pseudônimo de R.C. Christian, que comprou um grande terreno e contratou uma empresa para que construísse a estrutura.

Nas seis pedras de granito que compõe o monumento, há frases gravadas nos seguintes idiomas: inglês, russo, hebreu, chinês, espanhol, hindi, suaíli e árabe, além de uma mensagem na parte superior da estrutura escrita em babilônio, sânscrito, grego clássico e hieróglifos egípcios. Teorias da conspiração apontam que a estrutura está relacionada com as metas da Nova Ordem Mundial.

pumapunku1

pumapunku2

pumapunku

4. Puma Punku (Tiwanaku, Bolívia)

Puma Punku é parte de um complexo em Tiwanaku, um dos mais importantes sítios arqueológicos da Bolívia. Até hoje, estudiosos não conseguiram desvendar como toda aquela estrutura foi erguida, já que pedras de 130 toneladas foram transportadas por cerca de 10km numa época em que tecnologias essenciais como a roda ainda não existiam.

Durante seu apogeu, acredita-se que Puma Punku era um local maravilhoso, frequentado por sacerdotes e pela elite. A compreensão da natureza deste complexo arqueológico ainda é limitada, devido à sua antiguidade, falta de provas escritas e o atual estado de elevada deterioração, tanto pelo desgaste natural mas também devida à depredação causada por visitantes e saqueadores.

esferasdepedra0

esferasdepedra

5. Esferas de Pedra (Ilha de Cãno, Costa Rica)

As Esferas de Pedra são um conjunto de mais de 300 esferas localizadas na Ilha de Cãno, na Costa Rica. Desde 1930, centenas de bolas de pedra têm sido documentadas no local, variando de alguns centímetros a mais de 2 metros de diâmetro, podendo pesar mais de 15 toneladas.

Quase todas estavam enterradas, e são feitas de granodiorito, uma rocha magmática semelhante ao granito, e acredita-se que foram criadas por volta do ano 600, sendo a maioria datada depois do ano 1000, mas antes da Colonização das Américas.

kukulcan

6. Pirâmide Kukulkan (Chichén Itzá, México)

No ano passado, arqueólogos anunciaram a descoberta de uma estrutura no interior do Templo de Kukulcán, que fica ruínas maias de Chichén Itzá, no México. Trata-se da estrutura original da pirâmide, por cima da qual foram construídas outras duas estruturas que deram o formato atual do monumento. De acordo com especialistas, as estruturas podem ter sido construídas uma em cima da outra por vários motivos, incluindo a deterioração ou uma homenagem a novos líderes.

O Templo de Kukulcán foi construído no século XII d. C., e sua estrutura conta com nove patamares, quatro fachadas, cada uma com uma escadaria central de 91 andares, e um templo no patamar superior. Uma das inúmeras curiosidades sobre a pirâmide é que se observarmos o amanhecer no horizonte do mesmo ponto durante um ano, é possível ver o sol aparecendo em diversas posições ao longo do período. Uma prova de que os maias possuíam conhecimento de astronomia, já que isso ocorre devido aos movimentos da Terra, de rotação sobre o eixo e translação ao redor do sol.

Imagens © Shutter/Getty/iStock/Divulgação

faixa-selecao-hypeness

Via Hypeness

0 I like it
0 I don't like it