Ouça os vocais isoladas de Chris Cornell em ‘Black Hole Sun’ para se arrepiar com o grande cantor que se foi

A triste morte de Chris Cornell, vocalista do Soundgarden e do Audioslave, imediatamente nos coloca a pensar sobre o que era ser um artista – um cantor e compositor – em um período passado, ainda que recente, e o que é esse ofício hoje. Ouvi-lo cantar é reconhecer um grande cantor, dono de uma voz original e forte, que não precisou recorrer à tecnologia para ser o artista que foi – e ouvir essa versão “despida” de “Black Hole Sun”, o maior sucesso do Soundgarden, somente com os vocais de Cornell, é justamente se deparar com uma voz capaz de emocionar e arrepiar – uma voz singular, bela e forte.

Cornell4

A versão do vídeo aqui disposto justamente traz somente a voz do cantor, sem o acompanhamento da banda, como se estivéssemos na intimidade do estúdio ouvindo Cornell cantar.

The Adobe Flash Player is required for video playback.
Get the latest Flash Player or Watch this video on YouTube.

Gravado em uma época em que não haviam corretores de afinação e outras ferramentas digitais que transformam artificialmente qualquer artista em um cantor impecável, a execução vocal do clássico “Black Hole Sun”, do Soundgarden, oferece um precioso exemplo do grande cantor e compositor que foi Cornell.

Cornell2

Cena do clássico clipe de ‘Black Hole Sun’ 

No refrão, Chris dobra seu próprio vocal – sobrepondo dois canais com sua voz cantando a mesma melodia, criando o ambiente belo e sombrio que tornou essa música peculiar.

Cornell1

Ao final da canção, quando ao fundo ele grita o título da canção, novamente se impõe a dimensão do grande cantor que foi – e que sempre será, pois ainda que a pessoa lamentavelmente se vá, o artista, suas gravações, seu legado felizmente permanece, tão presente quanto a qualidade de sua arte e de seu canto.

Cornell5

© fotos: divulgação

Via Hypeness

0 I like it
0 I don't like it