O que podemos aprender com os ousados planos de agricultura urbana parisienses

Cada vez mais cidades estão buscando implementar estratégias de sustentabilidade para melhorar seu entorno. Em Paris, uma série de medidas já prevê transformar a cidade em um lugar mais verde e mais amigável ao meio ambiente nos próximos anos.

Um dos projetos recentes implementados na cidade nesse sentido tem como objetivo transformar um quarto da superfície de Paris em áreas verdes até 2020. Com uma série de outras iniciativas visando a sustentabilidade e a agricultura urbana, essa não será uma tarefa tão difícil.

Talvez um dos principais programa do gênero seja o que estimula as pessoas a se tornarem jardineiros em seus bairros. É o “Verde perto de mim“, que já entregou mais de 1.400 licenças de jardinagem na cidade. Os jardineiros cadastrados podem usar a criatividade, criando jardins móveis ou plantando árvores nas proximidades de suas casas, por exemplo. Além de tudo isso, a iniciativa que ganhou o nome de “Crescer na Cidade” pretende  ainda criar 20 novos jardins compartilhados em Paris, a pedido dos moradores da cidade.

paris

Foto: Jace Grandinetti / Foto destaque: Alice Donovan Rouse

O projeto “Parisculteurs” também promove os espaços verdes. A ideia é que sejam criados 100 hectares verdes em coberturas e fachadas de edifícios na cidade. Na primeira edição, foram escolhidos 33 projetos entre mais de 100 inscritos que buscavam transformar a arquitetura da cidade. Este ano, a cidade deve receber o “Parisculteurs 2”, ainda sem data prevista para o início.

A cidade também busca potencializar a agricultura urbana. O objetivo principal do investimento no setor é a busca pela diminuição do impacto ambiental gerado pela distribuição dos alimentos, responsável por 36% das emissões de gases de efeito estufa. Os agricultores poderão ainda se beneficiar de outro projeto que está sendo colocado em prática na cidade: o de triplicar o número de áreas de compostagem em edifícios. Se tudo der certo, serão produzidas 30 toneladas de composto orgânico por ano, que poderão abastecer os agricultores ao mesmo tempo em que diminuem a geração de resíduos.

Via Hypeness

0 I like it
0 I don't like it