Essas leis feministas na Islândia são uma aula de direitos humanos para o resto do mundo

A Islândia não apenas tem uma Ministra de Igualdade de Gênero, mas também investe em diversas leis relacionadas ao tema. Elas vão desde tornar a prostituição ilegal até mesmo o ensino de igualdade de gênero em escolas e universidades. Abaixo nós listamos quatro leis e um projeto de lei que mostram como o país está avançado em termos de igualdade.

1. Direitos iguais

Data do ano 2000 uma lei islandesa sobre direitos iguais entre homens e mulheres. A lei pretende atingir a igualdade de gêneros em todos os aspectos da sociedade e inclui informações sobre o assunto para governos e empresas, além de definir nove diferentes formas de discriminação de gênero, incluindo discriminação direta, indireta e diferenças salariais.

2. Igualdade salarial

Um projeto de lei no país busca tornar a igualdade salarial obrigatória. A ideia é que as empresas precisem provar que pagam um salário equivalente a homens e mulheres que exercem as mesmas funções. Os empregadores que não cumprirem com a obrigação estarão sujeitos a multa. Caso a lei seja aprovada pelo parlamento islandês, ela deverá entrar em vigor até 2020, tornando o país o primeiro do mundo a considerar a discriminação salarial ilegal.

3. Empregabilidade é igualdade

Uma das leis em vigor no país obriga empresas públicas ou conselhos e comitês governamentais a ter pelo menos 40% de pessoas de ambos os sexos. Empresas com mais de 25 empregados também precisam ter um programa de igualdade de gênero e revisar suas metas a cada três anos.

giphy

Foto via/ Foto destaque via

4. Licença paternidade/maternidade

Ao ter filhos, os islandeses têm direito a nove meses de licença para cuidar dos pequenos. Os pais dividem o seu tempo de licença igualmente por duas razões: primeira delas é permitir que os cuidados com os filhos sejam realmente compartilhados; a segunda é evitar discriminação (e consequentemente retaliações às mulheres) no ambiente de trabalho.

5. Igualdade na sala de aula

Uma das leis do país prevê que a igualdade de gênero seja ensinada em TODOS os níveis de educação. Isso significa que os jovens aprendem sobre o assunto da pré-escola à universidade, além de observar a igualdade em prática em casa.

Via Hypeness

0 I like it
0 I don't like it