Cidade instala ‘assento de pênis’ no metrô pra chamar a atenção para o assédio sexual

Uma recente pesquisa feita pelo governo mexicano apontou que 65% das mulheres que vivem na Cidade do México já foram assediadas sexualmente nos ônibus ou trens da cidade.

Outro dado assustador levantado pela pesquisa é o de que nove em cada dez mulheres, também da Cidade do México, já foram vítimas de algum tipo de violência sexual. Com estas informações na mão, o metrô da cidade resolveu agir, e criou a #NoEsDeHombres, uma campanha contra o assédio sexual.

E uma das principais ações desenvolvidas para a conscientização da violência diária sofrida pelas mulheres no transporte público foi o “assento de pênis”, instalado num dos vagões do metrô, onde somente homens eram permitidos sentar.

The Adobe Flash Player is required for video playback.
Get the latest Flash Player or Watch this video on YouTube.

Alguns homens chegam a sentar no assento “especial” mas, desconfortáveis, levantam rapidinho. “É chato viajar dessa maneira, mas nem se compara com a violência sexual que as mulheres sofrem em seus traslados diários”, diz o cartaz no chão do assento.

3EB7EA4100000578-0-After_sitting_without_looking_a_male_rider_jumps_up_after_being_-a-67_1490731525081

3EB7EA2400000578-0-image-a-55_1490731236655

Todas as imagens © Reprodução YouTube

Via Hypeness

0 I like it
0 I don't like it