Ele escreveu uma hilária carta aberta para o ladrão que roubou um pé de seu sapato e o resultado foi surpreendente

Quando Marcus Azon descobriu que sua mochila e um pé de bota haviam sido furtados de seu veículo, ele percebeu que seus planos de viajar ao Nepal para comemorar seus 30 anos estavam comprometidos. Assim, sua melhor ideia foi escrever uma carta aberta ao ladrão na tentativa de recuperar os itens.

A carta foi colocada bem visível próximo à sua casa, pedindo que quem tivesse levado as coisas as trouxesse de volta – ou ao menos levasse o outro pé da bota para poder utilizá-la.

marcus

Foto: Imgur

Ao cara que afanou minha mochila e um pé de bota:

Eu tenho certeza de que você tem suas razões. Meu problema é que você só roubou um sapato (o pé esquerdo). Eu gostaria de apresentar duas opções para você:

#1: Por favor, me devolva tudo, especialmente a bota. 

#2: Se você realmente quer ficar com as minhas coisas e simplesmente não quer devolvê-las – então eu vou deixar a outra bota (a que eu ainda tenho, aquela que você não roubou) no portão da frente da 143 Molle St West Hobart. Desse jeito eu sei que ao menos um de nós está se beneficiando dos novos sapatos. Eu prometo que não vou tentar trapacear ou pegá-lo. Trato é trato. 

– Marcus

Algumas horas depois de escrever a carta, Marcus se surpreendeu com o outro pé do sapato devolvido na porta de sua casa. Para agradecer e apelar para o bom coração do ladrão, ele decidiu escrever uma nova carta aberta e colocá-la junto à outra.

marcus2

ATUALIZAÇÃO: no que eu só posso descrever como uma mudança de rumos “bem estranha”; eu cheguei em casa hoje para descobrir que o ladrão (que tem um coração de ouro) devolveu o sapato na minha porta da frente.

Caro cara que afanou e devolveu minha bota:

Ou você tem um grande (embora confuso) código de ética, ou nós apenas calçamos um número diferente. De qualquer jeito, eu me sinto muito, muito grato a você e não quero estender o assunto ainda mais. Mas já que estamos nisso, eu poderia por favor ter minha mochila de volta também? Eu sei que você provavelmente ama ela e talvez neste ponto você sinta que ela é sua. Está tudo bem e de certa forma eu sinto que você meio que merece isso. Mas eu ainda quero muito ela e meio que preciso dela para uma grande viagem que irei fazer em breve.

PS: desta vez, eu vou deixar seis cervejas para você no portão da frente. Se você não é o assaltante e está lendo isso, por favor não venha para roubar as cervejas grátis. Isso é entre eu e o ladrão.

Com amor, Marcus.

marcus3

Fotos: ABC

As cartas se tornaram virais na internet. Porém, até o momento não há notícias sobre a mochila ter sido recuperada ou não. Será que ele teve sorte?

Via Hypeness

0 I like it
0 I don't like it