Paris anuncia projetos para criar 100 hectares de fachadas e coberturas verdes

As grandes metrópoles do mundo são verdadeiras selvas de pedra, e, como o próprio apelido indica, o que impera nos principais bairros é o concreto e o aço, não as árvores e flores. Para apaziguar a desconexão com a natureza, a capital da França lançou o projeto ‘Paris Culteurs’, com o objetivo de criar 100 novos hectares de áreas verdes em coberturas e fachadas de prédios até o ano de 2020.

parisculteurs_-_reservoir-de-belleville-20e

O projeto teve início em março de 2016, e foi constituído por agricultores, jardineiros, arquitetos, artistas, empresas e organizações da sociedade civil da França e de outros países do mundo, cada qual com sua proposta para espaços sem uso. As inscrições ficaram abertas até agosto, totalizando 144 propostas. Destas, 33 foram aprovadas.

parisculteurs_-_didot-14e-1

Cada proposta aprovada terá um “padrinho” na equipe, podendo ser jardineiro, paisagista, especialista em agricultura urbana e arquiteto, com o intuito de assessorar o projeto. Entre as principais propostas, estão hortas comunitárias, jardins ornamentais e paredes verdes.

parisculteurs_-_mur-rue-de-crimee-19e

As 33 propostas aprovadas terão, cada uma, um lote privado ou público para executar o projeto. Se o terreno for do município, o uso será feito sob a forma de concessão pública durante um período de 3 a 12 anos, podendo ser estendido a um total de 20 anos. Se o espaço for particular, o proprietário (que aderiu ao programa) será transformado em sócio do projeto e poderá contribuir com seu desenvolvimento. Agora, é esperar para ver o resultado!

Via Hypeness

0 I like it
0 I don't like it